A gestação de um blog

Tenho duas tentativas de blogs, que eu sempre abandonei órfãos em pouquíssimo tempo, um pouco por preguiça, e um pouco por acreditar que na internet parece todo mundo muito interessado em falar e quase ninguém interessado em ouvir, e eu nunca quis contribuir para aprofundar esse autismo. Mas eu tenho lido muito, muitos blogs, muitos livros, muita histórinha da turma da mônica, e liquidificando tudo eu construi este conceito, que resume tudo o que eu amo e sobre o que eu quero escrever.

Vou puxar os poucos textos mirrados dos outros blogs e postar neste, desativar aqueles e desentulhar microscópicamente essa loucura que é a internet. Os textos do manhã amarela vou publicar em amarelo.

Espere desse blog: Receitas, críticas de restaurantes, superficialidades, qualquer tipo de coisa linda, deliciosa, incrível e foda que eu descobrir, fotos mal-tiradas, recursos de formatação sub-utilizados, críticas literárias, tentativas literárias, pensamentos obscuros, falta de paciência.

Não espere deste blog: Política, economia, discussões éticas e morais, um blog lindo e maravilhoso com lay-out perfeito e utilizando todas as ferramentas mais modernas da tecnologia.

3 Respostas to “A gestação de um blog”

  1. chefaporter Says:

    Honesto…gostei.

  2. maria alice Says:

    Amor

    Adorei tudo….. E olha que minha opinião é super imparcial!!!

    Beijos

    Mom

  3. Comentário de Malice tem PESO 2 pelo fator imparcialidade rsrsrsr AMEI !

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: