Calor na bacurinha

Não, não é um post de conteúdo sexual.

Esse calor senegalês que se instalou nessa cidade pode ser bastante chato e um pouco sufocante, mas é a ocasião perfeita para aqueles que estão sempre prometendo começar o regime na segunda feira colocarem o plano em prática. Os motivos para isso são os mais variados, já que as comidas mais frescas são também em geral menos caloricas, e a temperatura elevada nos impele a sair da toca, nos coloca em movimento.

Aproveite também o verão para começar a aprender a cozinhar, tentando pratos simples e leves, que satisfazem sem pesar demais no estômago. Sanduiches, massas e saladas são boas opções. Se só de ler a palavra salada você já sentiu um arrepio, e é adepto do mantra que quem come mato é vaca ou coelho, este post é para você.

Salada não é só folha. Nem só folha e legumes molengas e gelados. Existem saladas mornas e quentes, e uma salada bem incrementada pode ser auto-suficiente. Na minha concepção, uma boa salada deve ter uma base de folhas (variando do alface bem neutro à suculenta e amarga endívia), alguns legumes e/ou frutas (aspargos, abobrinhas, tomate, pepino, cebola, manga, maçã verde, pêra, etc) , um molho (junta tudo e umidece a mistura), um elemento de sabor (queijo, frios, azeitonas, ou qualquer coisa realmente gostosa) e um carboidrato (croutons, macarrão, arroz, batata ou uma fatia de pão acompanhando). Claro que estes não são parametros rígidos. Uma salada com molho de queijo dispensa o elemento pra dar sabor, você pode dispensar os legumes, ou num dia mais extravagante fazer uma salada super delícia que junte queijo, bacon, azeitonas e nozes.

Se você ainda não acredita, experimente a caesar salad do Rodeio, qualquer salada do Ritz, a caprese do Seraphini, a steak salad do America, ou se estiver inspirado, minha mais recente descoberta no campo das saladas irresistíveis e suculentas:

IMG_8111

Salada BLT (do site Chow)

100g de bacon
2 xícaras de pão italiano cortado em cubos grandes
1/2 maço de espinafre rasgado
300g de tomate picado
1 cebola picada
2 colheres de sopa de aceto balsâmico
sal e pimenta do reino a gosto

Corte o bacon em cubos. Forre um prato com papel toalha, frite o bacon em uma frigideira aquecida em fogo médio até que ele fique dourado e a maior parte da gordura derreta. Tire o bacon e coloque para escorrer. Retire metade da gordura da frigideira e reserve. Adicione os cubos de pão e volte ao fogo para dourar, mexendo para envolver os croutons com a gordura. Retire os croutons e coloque-os para escorrer junto com o bacon. Separe 1/4 do bacon e croutons para decorar. Misture o restante numa saladeira com o tomate e o espinafre e reserve. Coloque a cebola e o a gordura reservada na frigideira, tempere com sal e pimenta do reino e refogue até que fique macia. Adicione o aceto e raspe o fundo da frigideira para aproveitar os deliciosos sabores acumulados. Adicione o molho na salada, misture e adicione mais sal e pimenta se achar necessário. Coloque o bacon e croutons reservados por cima e sirva.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: